Metaverso X Experiência do cliente

Tempo de leitura: 2 minutos

A realidade e a ficção estão cada vez mais próximas nos últimos tempos, ainda mais com o surgimento do metaverso. Uma tendência tecnológica que tem como proposta unir o universo virtual com a realidade aumentada, assim tendo uma visão super-realista dentro do ambiente cibernético. Através de avatares, será possível tornar experiências de consumo, lazer, negócios e serviços mais realistas, mesmo não havendo interação presencial.

O foco do metaverso é a extensão da nossa realidade, atingindo pontos que transitam entre o ambiente físico e virtual. De forma onipresente será possível, através de hologramas, entrar em uma reunião de trabalho, assistir a um show e fazer um encontro entre amigos, sem precisar se ausentar de onde estivermos.

Considerado o “futuro da internet”, vem conquistando espaço no mundo dos negócios e no universo tecnológico pelas suas configurações. Inicialmente, o metaverso se destacava pela criação de espaços de interação para o entretenimento, hoje em dia ele é desejado pelas empresas para explorar novas possibilidades de aprimorar sua marca, produtos e serviços.

E quando o assunto é serviços, automaticamente o foco se torna a experiência do usuário. A forma do consumidor procurar por novidades na hora de fazer compras contribui para a integração de tecnologias disruptivas em diferentes oportunidades de negócios.

Com a realidade aumentada, a inovação no atendimento ao cliente fica por conta de dispositivos como óculos de realidade virtual. Assim o atendimento se torna mais próximo e eficiente, juntando experiências imersivas de entretenimento, sendo assim uma vivência de compra mais engajadora, fazendo com que cada vez mais marcas criem produtos direcionados ao mundo virtual (NFTs).

Essa vivência poderá atingir diversas áreas, como a educação, por exemplo, tornando as aulas mais práticas e efetivas. Imagine que ao invés de apenas fazer a explicação de um fato histórico, será possível visitar o local e participar de uma reprodução dos acontecimentos virtualmente. Quanto ao atendimento ao cliente, poderá existir um assistente virtual 3D para fazer a interação com o usuário e explicar como fazer a montagem do produto de forma ultra realista.

O metaverso parece fazer parte de um futuro próximo, porém ainda tem muito a evoluir. Ainda que tenha a implantação da sinalização do 5G em países como o Brasil, o caminho é longo até chegar a um ambiente altamente conectado.

Por ser um ambiente totalmente novo, conseguimos ver um mundo de possibilidades. É difícil projetar como essa alta tecnologia será implementada no dia a dia dos consumidores, por se falar de uma grande disrupção. As pessoas vão depender da acessibilidade e as marcas, da mesma forma, da receptividade do público. Consolidando e popularizando essa inovação, fortifica uma tendência que tem tudo para transformar espaços e produtos em jornadas sensoriais, realistas e interativas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *